Seminário Segurança para Mobilidade Ativa

A segurança viária preocupa todos os brasileiros e brasileiras e provoca, mas os mais afetados são os praticantes das modalidades ativas de deslocamento (pedestres e ciclistas).

Para debater e propor soluções no âmbito legislativo, uma parceria entre a UCB – União de Ciclistas do Brasil – UCB, a Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados – CVT e a Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro estão organizando o Seminário Segurança para Mobilidade Ativa, na Câmara dos Deputados.

O evento contará com representantes de órgãos públicos, privados e da sociedade civil, buscando obter os diversos pontos de vista.

Na ocasião, também será elaborada a Carta “Segurança para a Mobilidade Ativa”, com a síntese do encontro, visando a adoção de práticas de todas as instituições para garantir mais segurança para a mobilidade ativa.

  • Data: 26 de junho de 2018
  • Horário: 9h00
  • Local: Plenário 11 do Anexo II – Câmara dos Deputados – Brasília/DF
  • Transmissão ao vivo: https://edemocracia.camara.leg.br/audiencias/sala/743
  • Programação:
    – 1ª Seção: Debate e discussão com foco técnico, apresentando propostas e soluções para melhorar a segurança da Mobilidade Ativa
    – 2ª Seção: Debate e discussão visando ações políticas para que a segurança de mobilidade seja praticada de forma mais efetiva e eficiente
    – Encaminhamento da Carta da Segurança de Mobilidade Ativa
  • Expositores convidados (aguardando confirmação):
    – Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares
    – Anfavea – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores
    – Iniciativa Bloomberg para Segurança Global no Trânsito
    – Como Anda
    – Defensoria Pública da União – DPU
    – Denatran – Departamento Nacional de Trânsito
    – FENAPRF – Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais
    – Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro
    – Frente Parlamentar pela Defesa, Apoio e Fortalecimento da Bicicleta como meio de transporte e atividade esportiva
    – SeMob Ministério das Cidades
    – UCB – União de Ciclistas do Brasil

Maiores Informações: legislativo@uniaodeciclistas.org.br

 

.

Share Button

A bicicleta está presente em todos os ODS – Objetivos do Desenvolvimento Sustentável!

A UCB – União de Ciclistas do Brasil é uma organização da sociedade civil que congrega Associações de Ciclistas, ciclistas e outras entidades e pessoas interessadas em promover o uso da bicicleta como meio de transporte, lazer e esporte,  nas regiões urbanas e rurais, assim como a mobilidade urbana sustentável. Continue lendo

Share Button

Convocatória para Assembleia Geral da UCB

Convoca CONVOCATÓRIA

 

Através da presente ficam convocadas todas as Associadas Instituições Atuantes da UCB – União de Ciclistas do Brasil para a Assembleia Geral:

  • Data: 10 de junho de 2018.
  • Horário: 10h20.
  • Local: Praça Mauá, 1 – Centro – Rio de Janeiro/RJ.
  • Pauta: 1) Reforma do Estatuto;
    ………….2) Reforma do Regimento Interno;
    ………….3) Homologação do Balanço Financeiro de 2017;
    ………….4) Assuntos gerais.

 

Balneário Camboriú/SC, 24 de maio de 2018.

 

___________________________________
André Geraldo Soares
Diretor Presidente
União de Ciclistas do Brasil – UCB

 

Clique aqui para baixar a Convocatória em PDF.

.

Share Button

Edição 82 – Revista Bicicleta: O quê a reforma do CTB pode melhorar pra você, usuário da bicicleta?

Foto: Uirá Lourenço

EXTRA! EXTRA!

#BicicletaNoticias

Saiu a edição 82 da Revista Bicicleta!

Na coluna Unindo Ciclos a UCB através do GT de Políticas Públicas com o projeto de Incidência Legislativa explica o que muda na reforma do Código de Trânsito Brasileiro para ciclistas.

Artigo de Milvo Rossarola Júnior e Foto de Uirá Lourenço.

Share Button

MobCidades no Fórum Mundial da Bicicleta

Pela sexta vez participei do Fórum Mundial da Bicicleta, o principal e mais democrático espaço de discussão e articulação cicloativista. Desta vez fui apresentar o MobCidades: Mobilidade, Orçamento e Direitos, um projeto desenvolvido pelo Inesc em conjunto com a Rede Cidades: Por territórios justos, democráticos e sustentáveis e financiado pela União Europeia.

O MobCidades reúne mais de 50 organizações de 10 cidades brasileiras (Belo Horizonte, Brasília, Ilhéus, João Pessoa, Ilhabela, Piracicaba, Recife, Rio de Janeiro e São Luís), com dois grandes objetivos: de que mais pessoas e organizações entendam e incidam no orçamento público; e regulamentar o transporte como direito social.

O orçamento público pode ser sintetizado em 3 leis (Plano Plurianual – PPA, Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO, Lei Orçamentária Anual – LOA) e momentos de elaboração destas leis e de execução do orçamento (gastar o dinheiro). Basicamente o PPA define todas as ações que serão realizadas no período de quatro anos, já a LDO define quais destas ações são prioritárias em cada um dos anos e, por fim, a LOA distribui o recurso entre as ações. Incidir na elaboração das leis e acompanhar a execução do orçamento é importante para fiscalizar o uso dos recursos públicos e também para garantir que eles sejam destinados às áreas relevantes, como a garantia dos direitos.

O transporte foi inserido no rol dos direitos sociais assegurados no artigo 6º da Constituição Federal após as manifestações de 2013. Porém, desde então nada aconteceu. As prefeituras continuam aumentando a tarifa de transporte e pedestres e ciclistas continuam tendo que sobreviver no trânsito caótico das cidades enquanto os automóveis continuam recebendo toda a atenção das políticas públicas. Para mudar isso o primeiro passo é definir qual o papel dos diversos entes federados, como será a gestão e de onde vem os recursos para que este direito seja garantido.

Através do MobCidades estamos realizando oficinas com as diversas organizações mobilizadas nestas 10 cidades sobre orçamento público, direito à cidade, política nacional de mobilidade urbana, para que cada uma delas se fortaleçam nestas pautas.

A apresentação desta experiência no Fórum Mundial da Bicicleta, proporcionada pela UCB, foi muito proveitosa para levar o debate do orçamento público para as diversas pessoas e organizações presentes. O ambiente do FMB proporciona esta troca de experiências que não se limita ao espaço formal da apresentação, mas também nas relações criadas entre todas as pessoas que estão presentes.

Um destaque muito importante a ser feito é a cidade que sediou o evento e seus moradores. Lima (ao menos na área que circulei) é uma cidade muito agradável, organizada e que apresenta soluções de mobilidade muito interessantes. É fato que o trânsito está longe de ser o mais amigável para a bicicleta e de que circulei somente pelas regiões mais ricas da cidade. Mas em diversos caminhos me deparei com soluções de moderação de tráfego que são isoladas, porém é o início que praticamente não se vê nas cidades brasileiras. A população de Lima ocupa as praças e espaços públicos de uma forma intensa. Fiquei muito impactado pela quantidade de pessoas nas ruas que lotam as praças que são super organizadas e cuidadas.

Que venham mais Fóruns Mundiais da Bicicleta para fortalecer a luta por cidades mais amigáveis, fortalecendo a articulação sul-sul!

Autor: Yuriê Baptista César – Géografo e mestre em Engenharia Urbana. Associado da UCB e membro de seu Conselho Deliberativo. É assessor político do Instituto de Estudos Socioeconômicos – Inesc, em Brasília/DF.

CLIQUE AQUI para baixar a apresentação “Mobilidade, Orçamento e Direitos” realizada pelo autor no FMB7.

Este texto foi composto para o Edital 01/2018 “Você no FM7” promovido pela UCB – União de Ciclistas do Brasil e financiado pelo Itaú como resultado da participação do/a autor/a no 7º Fórum Mundial da Bicicleta (Lima/Peru – 22-26/02/2017).

Share Button

Bicicleta e Educação: um brinquedo sério

Reunindo pessoas dos vários cantos das Américas com o lema “ RECUPERANDO A CIDADE”, tendo como elemento de pauta, a Bicicleta, aconteceu a 7 ed. do Fórum Mundial Da Bicicleta. A cidade Lima foi eleita para acolher este povo bicicleteiro. Continue lendo

Share Button

7º Fórum Mundial da Bicicleta: Recuperando Cidades e Pessoas

Paulo Aguiar durante sua apresentação no FMB7

Com o tema “Recuperando a Cidade” a capital do Perú, Lima, realizou o 7º Fórum Mundial da Bicicleta.

No período de 22 a 26 de fevereiro de 2018, ocorreu em Lima, no Perú a sétima edição do FMB- Fórum Mundial da Bicicleta, um dos maiores eventos mundiais relacionado ao ciclismo urbano que congrega num mesmo espaço para discussão, cidadãos, coletivos, organizações não governamentais, poder público e iniciativa privada, todos com um interesse comum, buscar soluções para promover e difundir o uso da bicicleta em escala global.  Continue lendo

Share Button

Vamos escolher a cidade sede do Bicicultura 2020!

O BiciculturaEncontro Brasileiro de Mobilidade por Bicicleta e Cicloativismo de 2018 ocorrerá no Rio de Janeiro (08-10/06) e o Bicicultura de 2019 ocorrerá em Maringá/PR (data a ser definida). Continue lendo

Share Button

Conhece o Projeto de Lei Bicicleta Brasil?

A UCB (União de Ciclistas do Brasil) vem se manifestar a favor da completa aprovação do Projeto de Lei (PL) da Câmara n° 83, de 2017, que institui o Programa Bicicleta Brasil (PBB) para incentivar o uso da bicicleta visando a melhoria das condições de mobilidade urbana, além de apresentar algumas recomendações de aprimoramento dos seus termos. O texto do PL pode ser visualizado na íntegra neste link. Continue lendo

Share Button

Recuperando as pessoas e as cidades: a abordagem de Peter Norton

O historiador Peter Norton (University of Virginia) palestrando no FMB7

Embora as cidades estejam sendo construídas pelos seres humanos, hoje, diferente da sua origem, elas não estão sendo construídas para as pessoas, mas para um modelo econômico e por isso sua principal norma de mobilidade é direcionada para o automóvel individual. Continue lendo

Share Button